Entre em contato conosco VIA WHATSAPP
49 98437 7750

Blog de | Notícias

Postado em 21 de Março às 07h34

A importância do moedor de café

Aprendendo sobre Café (48)
Brasitália Máquinas e Café O moedor de café - ou moinho como também é conhecido - é um item de grande importância para quem aprecia um bom café. Após escolher o grão, é preciso ter...
O moedor de café - ou moinho como também é conhecido - é um item de grande importância para quem aprecia um bom café. Após escolher o grão, é preciso ter cuidados na hora de estabelecer a sua correta moagem. Isso porque, para cada método de preparo da bebida requer uma granulagem exata para extrair os sabores e aromas esperados.

Como já falamos aqui no blog, o moedor de café faz parte dos 5 M’s do espresso, que são as etapas essenciais para o preparo da bebida. Mas não é só para este modo de extração que devemos dar atenção especial ao moedor: se este item não tiver uma regulagem perfeita, como granulometria e peso, pode deixar a moagem muito grossa resultando em uma bebida fraca; enquanto uma moagem muito fina pode produzir um café forte e amargo.

Basicamente, quanto mais tempo a água ficar em contato com o café, mais grossa deve ser a granulação. Quanto mais tempo em contato com a água, mais elementos totais ela extrai do café, como os óleos essenciais do grão. Além disso, quanto mais tempo de contato com o pó, mais cafeína a bebida final terá. Neste outro artigo você pode conhecer melhor os tipos de moagem para cada método.

Moedor de café manual ou elétrico: qual escolher

Em primeiro lugar, nada melhor do que moer o grão na hora do preparo. O aroma e o sabor ficarão muito mais intensos. Em casa, se tiver um moedor, você poderá comprar o café em grãos, que é uma forma de conservar sua qualidade por muito mais tempo. Outra opção é optar por uma máquina de espresso doméstica, que já vem com um moinho integrado e regulado especificamente para este método.

O moedor de café pode ser manual ou elétrico. Os manuais dão uma preparação mais artesanal, mas os elétricos são mais rápidos e moem o grão de maneira uniforme. Uma das vantagens do moedor elétrico é a definição da granulometria. Assim você pode escolher entre um pó mais ou menos fino.

Moedores ‘caseiros’

Estes moedores mais simples são manuais, acionados por uma espécie de manivela.Mas para quem não tem tempo ou paciência para moer o café manualmente, existem os moedores elétricos de pequeno e médio porte, que têm uma lâmina simples, que lembra aquela de liquidificador ou até mais elaborada como a “flat” (duas lâminas lisas que moem o café).

Com esse equipamento, seu café é moído em segundos sem o menor esforço. Basta apertar um botão. A melhor parte é que alguns já vêm com diferentes graus de moagem.

Moedores profissionais

Estes modelos já são de maior porte e dão maior precisão a moagem. Por isso, são usados em cafeterias, padarias e outros lugares que vendem a bebida. Eles são preparados para uso contínuo e exigem um conhecimento mais técnico para efetuar as regulagens necessárias.

Lâmina de metal x lâmina de cerâmica

Aqui vale fazer uma ressalva: as lâminas de metal tem um desempenho um pouco inferior em relação às de cerâmica.

A desvantagem do metal é que suas lâminas não permitem uma moagem coesa em relação a tamanho. Além disso, por ser de metal, durante uso ele esquenta, o que impacta na extração da bebida. Já as lâminas de cerâmica oferecem um grão moído homogêneo, essencial para um café perfeito.
 
Mas os moedores com lâmina de metal acabam sendo uma boa opção para quem está com um orçamento apertado e quer beber um café fresco. Por isso, pode começar sem medo por um destes!

Gostou do conteúdo? Se quiser dúvidas sobre moagem, grãos e equipamentos, entre em contato com nossos especialistas pelo site ou redes sociais - Instagram no Facebook.

Veja também

Variedade de café pelo mundo19/04/18 Quer fazer uma viagem de sabor e aroma pelo mundo? Neste artigo vamos apresentar a enorme variedade de café que é produzida ao redor dos quatro continentes. Se você deseja aprofundar seus conhecimentos em grãos e entender a experiência que cada um proporciona, aproveite a leitura! Por quê existe variedade em café? São dois fatores principais: a......
Os melhores acompanhamentos para o café: veja dicas deliciosas!14/06 Ao preparar um café em casa ou pedir aquele espresso saboroso na padaria ou cafeteria, o ritual é, quase sempre, o mesmo. Temos que ter algo saboroso para degustar junto com a bebida: um bolinho amanteigado, um pedacinho de chocolate, uma......
O que é blend de café?08/03/18 Entre tantos termos do mundo do café, com certeza você já deve ter ouvido falar de blend. Mas o que é um blend de café? Podemos dizer que é a arte de misturar grãos de café com diferentes......

Voltar para Blog (pt)