Entre em contato conosco VIA WHATSAPP
49 98437 7750

Blog de | Notícias

Postado em 07 de Novembro de 2017 às 19h29

Vantagens e desvantagens dos métodos de preparo do café

Brasitália Máquinas e Café O artigo é inspirado em uma reportagem do portal da rede BBC, que mostra as vantagens e desvantagens dos métodos de preparo do café.  A BBC Brasil consultou o engenheiro agrônomo Pedro...
O artigo é inspirado em uma reportagem do portal da rede BBC, que mostra as vantagens e desvantagens dos métodos de preparo do café.  A BBC Brasil consultou o engenheiro agrônomo Pedro Ronca, produtor e especialista em café, que detalhou prós e contras de cada método tradicional - e a influência no sabor da bebida.

A reportagem fala dos métodos bem tradicionais aqui no Brasil, como o café passado em coador de papel e coador de pano, além dos processos de extração pelas cafeteiras Moka (italiana) e a Prensa Francesa (ou French Press). Mas é claro, que não podemos esquecer do nosso queridinho, o café espresso. Como o agrônomo entrevistado pela BBC Brasil não falou muito sobre ele e a Brasitália é especialista no assunto, nós vamos passar os detalhes da extração feita pelas máquinas de café espresso.

Vale lembrar que nenhum método é melhor que o outro. Isso depende mais de cada paladar e do tipo de experiência que cada pessoa tem ao degustar um ou outro tipo de café. O engenheiro agrônomo concorda. "Como sempre, é uma questão de gosto. São diferentes extrações que geram diferentes produtos, cada um com sua característica", destaca Ronca.

Vamos falar das vantagens e desvantagens dos métodos de preparo do café? Confira!

  • Coador de pano
 
Prós e contras: método nostálgico, que costuma preencher o ambiente com aromas porque o café fica suspenso no suporte. Há o problema da higienização do coador, pois resíduos se acumulam e passam o sabor ao café seguinte. O correto é usar água fervida para retirar máximo de resíduos - mas poucos fazem isso. Muitos acham que é o melhor sistema, porque está muito associado a lembrança emocional do café da vovó, mas geralmente é um café ‘queimado’. Como fica muito tempo em contato com a água, o café traz muita cafeína e pode causar dores de cabeça, de estômago etc.
 
  • Coador de papel
 
Prós e contras: mesmas questões do método do coador de pano, mas o filtro descartável é mais higiênico. Porém, ainda pode deixar gosto de papel na bebida. Para evitar isso, uma dica: passar um pouco de água quente no filtro antes de despejar o pó. Sobre a temperatura ideal de preparo, o engenheiro agrônomo e produtor diz que há um "mito de que a água não pode ferver". Todo mundo já ouviu isso e faz café com água antes de ferver, aí não atinge 98ºC que é o ideal para extração. Às vezes está 93ºC, 94ºC, desliga e a extração não fica tão boa. O único jeito de saber se atingiu 98ºC é deixar ferver e esperar um pouquinho após desligar.
 
  • Moka (italiana)

Prós e contras: praticidade, evita gastos com filtros e há modelos de diferentes tamanhos. Mas pode haver erros na extração que acabam queimando o café. Em geral, as pessoas erram na hora de preparar nesta cafeteira. O erro principal é fazer com fogo alto, aí o vapor esquenta demais e o café fica com gosto de queimado. Pode começar com fogo alto, mas na metade do tempo de preparo para a frente tem que ser bem baixo. Outro equívoco no preparo com a cafeteira italiana, diz, é deixar o fogo ligado até acabar a água - o que também gera muito vapor e pode acabar queimando a bebida. Ou seja, o correto é desligar o fogo assim que a cafeteira começar a "assoviar".

  • Prensa Francesa

Prós e contras: sistema de fácil lavagem. Como a cafeteira italiana, é prática e pode ser de diferentes tamanhos. Cuidado com o tempo de espera para baixar o  êmbolo: no máximo 1 a 2 minutos. Quanto mais tempo, mais cafeína o café terá, pois se trata de um composto solúvel em água. E mais amargo, pois a cafeína é amarga. Há controvérsias sobre a necessidade de mexer ou não o café antes de pressionar o êmbolo. Para Ronca, pode-se fazer isso sem problemas, para misturar partes do pó que não tenham entrado em contato com a água.

  • Café espresso
 
Prós e contras: o preparo do café espresso acontece por pressão. O café é moído na hora e colocado no filtro da máquina profissional de café ou a máquina doméstica faz a moagem e todo o preparo da bebida. Em seguida, o pó recebe uma pressão e água aquecida a 90 graus por, aproximadamente, 20 segundos. Em relação ao café coado, o espresso apresenta algumas diferenças:
 
  • costuma ser mais consistente e concentrado. Isso ocorre porque o volume de pó é proporcionalmente maior, enquanto o contato com a água é menor, se comparado com o café coado. O espresso é mais cremoso, apresentando uma espuma decorrente da alta pressão;
  • possui menos cafeína, pois fica menos tempo em contato com a água. A quantidade de cafeína no café expresso varia de 90 a 200 mg.

Independente do método escolhido, para aproveitar tudo de bom que a bebida pode nos trazer é preciso que o grão do café seja de qualidade e bem produzido. Aí ele só precisa ser preparado com carinho e seguindo corretamente as instruções de preparo. Um bom café vai:

  • ajudar no emagrecimento
  • ajudar a aliviar dores de cabeça
  • melhorar ou reforça o estado de alerta
  • melhorar ou reforça a capacidade de concentração
  • melhorar o humor
  • prevenir doenças como Parkinson, Alzheimer, diabetes tipo II e do coração
 
Gostou do conteúdo? Então compartilhe o artigo ou deixe um comentário. Se tiver dúvidas ou precisar de ajuda com o métodos de preparo, você também pode procurar a equipe da Brasitália aqui no site ou no empório. Nossos especialista podem ajudar com os equipamentos e com a moagem do grão para cada método de extração!

Um abraço,

Luana Rech

Equipe Brasitália


Quer receber novidades sobre café? Cadastre-se!

Veja também

O Workshop só delas! Sim Senhor!30/11/-1 O Workshop só delas, Sim Senhor! Com muita satisfação nessa quarta-feira do dia 22, recebemos elas! A Brasitália Máquinas e Cafés recebe alunos para curso de barista, que geralmente são alunos com o intuito de participar do mercado delicioso que o café nos oferece. Dessa vez, decidimos abraçar nossos clientes de uma forma mais......
7 dicas imbatíveis pra bombar o Instagram da sua cafeteria07/06/17 Com 700 milhões de usuários, o Instagram pode ser a vitrine ideal para mostrar seus produtos e serviços, além de um canal direto com seus clientes. As redes sociais - Facebook, Instagram, You Tube etc - estão hoje entre......

Voltar para Blog (en)